Segundo a agência da ONU para informação e comunicação (UIT), até o final de 2018, 51,2% da população mundial estará usando a Internet. No caso dos países mais ricos, o acesso à rede mundial de computadores atingirá a marca de 80,9% da população até o fim do ano.

O relatório da UIT trouxe também dados sobre a abrangência das redes de celulares e, consequentemente, das tecnologias de conexão móvel, seja a 3G ou superiores. Segundo o documento, 90% da população mundial está dentro da área de cobertura dessas tecnologias, permitindo vislumbrar um avanço ainda maior da inclusão digital em nível global.

“Até o final de 2018, teremos ultrapassado a marca de 50% do uso da internet. Este é um passo importante para uma sociedade global da informação mais inclusiva”, afirmou em um comunicado o diretor da ITU, Houlin Zhou.

Cenário no Brasil

No Brasil, os dados mais recentes sobre acesso à internet são de um relatório feito pelo IBGE com dados de 2016. Naquele ano, o país contava com 116 milhões de pessoas conectadas à rede, o que equivale a 64,7% da população com idade superior a 10 anos. A região Sudeste, com 72,3% dos moradores com acesso, lidera o índice. Na seqência vem as regiões Centro-Oeste, com 71,8% da população conectada, e Sul, com 67,9%.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here